Prefeitura de União da Vitória decreta Escola Lina Forte como utilidade pública de relevante interesse social

O prefeito de União da Vitória, Santin Roveda, assinou na semana passada um decreto, determinando o uso como Utilidade Pública e de Interesse Social do imóvel onde está localizada a Escola Municipal Lina Forte, no bairro Rio d’Areia. A sede da escola pertence a empresa Miguel Forte e seria leiloada.

Depois de uma movimentação feita tanto pela administração municipal, secretária de educação e departamento jurídico e em conversas com o Poder Judiciário do município, chegou-se a uma definição para tentar barrar o leilão em que aparece o imóvel.

De acordo com o secretário da educação, Ricardo Brugnago, “houve uma grande esforço coletivo, por parte da direção, supervisão, e equipe do colégio, em conjunto conosco para que avançar com as questões legais e conseguirmos reverter essa situação”, afirmou.

Além do decreto assinado pelo prefeito, o Poder Judiciário também deferiu uma liminar que foi impetrada para que fosse feita a paralisação do leilão do imóvel.

“Queremos passar para os pais dos alunos e toda a comunidade que a prefeitura já fez o que era possível, e o juiz já determinou a suspensão desse processo, e que todos podem ficar tranquilos com relação a essa situação”, finalizou Brugnago.